Browsing Category:

MODA

In MODA on
18 de novembro de 2017

EDITORIAL – OMG

O ano está quase acabando e isso não é novidade para ninguém, por isso temos que aumentar o passo se quisermos fazer tudo como tínhamos planejado para 2017. Se  você é universitário igual eu, sabe como é a correria no final de semestre, não é?


Mas vamos falar sobre coisas boas! Hoje temos o Editorial “OMG” com a Yasmin Beling (@yasminbeling) e o Julian Rousseau (@julianrousseau1). Eu disse que teríamos modelo gringo e não estava brincando. CONTINUE LENDO

In MODA on
7 de novembro de 2017

EDITORIAL – HAVANA

2018 está quase aí e ainda falta muito editorial para poder terminar 2017 com chave de ouro. Será que vou conseguir? Só Deus sabe, mas por enquanto, vamos conferir o Editorial – Havana com o modelo, Mateus Siegle. Pessoal, sério! Esse foi um dos ensaios mais engraçados que já fiz, o Mateus é uma figura. Prometo que na próxima vez faço making of, ok?


CONTINUE LENDO

In MODA on
1 de novembro de 2017

EDITORIAL – INTO THE NATURE

Outono é tudo bom, não é? E para quem acompanha meu trabalho pelas redes sociais já deve ter percebido que minhas fotografias ganharam um toque mais “quente”. É isso mesmo, calma, não o quente que vocês estão pensando. Os tons quentes (principalmente o laranja, até porque ele é a cor de maior peso visual) dominaram a minha cabeça e tudo que vejo agora é o bendito laranja.


CONTINUE LENDO

In MODA on
27 de outubro de 2017

A MODA SEM GÊNERO

Uma moda para todos, literalmente! A moda Genderless, mais conhecida como sem gênero, vem ganhando espaço entre mulher e conquistando seu lugar no mundo fashion, e devido aos acontecimentos diários de homofobia, “cura gay” e essas coisas que em pelo século XXI ainda temos que escutar, nada mais justo que ficar por dentro de uma moda tão “polêmica”.


CONTINUE LENDO

In MODA on
21 de outubro de 2017

POR QUE OS COLABORADORES MAIS TALENTOSOS ABANDONAM AS EMPRESAS?

Quantas vezes já ouvimos colegas, ou nós mesmos reclamando do trabalho. Fato que ocorre com a maioria. Pessoas desmotivadas, em conflitos com os colegas, problemas de relacionamento e de comunicação, falta de visão e direcionamento, projetos desacreditados, problemas com a liderança e vários outros fatores se juntam a lista. A primeira constatação é que as PESSOAS não reclamam da falta de uma sala de jogos ou de um ambiente descontraído como Google ou Facebook. Poucos reclamam de salários ou de horários inflexíveis. As PESSOAS reclamam basicamente das PESSOAS, e quase tudo desemboca em Gestão de PESSOAS.


  CONTINUE LENDO